Home / Influencers / Felipe Franco – quem é, altura, idade, títulos, dieta, treinos, instagram, marcas que patrocinam, biografia completa
Felipe Franco Biografia
Atleta Felipe Franco

Felipe Franco – quem é, altura, idade, títulos, dieta, treinos, instagram, marcas que patrocinam, biografia completa

Felipe Malzac Franco, conhecido mais como Felipe Franco, é nascido no Rio de Janeiro, e tem 36 anos de idade. Ele pesa aproximadamente 95 kg e sua altura é 1.85 metros.

É fisiculturista brasileiro e personal trainer, e foi casado com Juju Salimeni. Os dois se conheceram no ano de 2005, na academia, e iniciaram um relacionamento.

Depois de um período de 12 anos, aconteceu a separação do casal. Recentemente reataram o casamento. Felipe Franco é graduado pela Universidade São Judas em Educação Física.

E é pós-graduado em Fisiologia pela Universidade Gama Filho, com graduação pela Federação Paulista de Musculação, FEPAM. Felipe Franco é atleta IFBB PRO, professor de educação física, treinador, e é proprietário da barbearia Mr. Franco, e academia Xploud Gym.

Felipe Franco e Juju Salimeni voltaram
Casal Felipe Franco e Juju Salimeni

O interesse dele pelo fisiculturismo começava ao entrar na universidade do curso de Educação Física, aos 17 anos, e competia aos 20 anos de idade pela primeira vez.

Foi campeão Men’s Physique no AC OHIO Overall e AC Brasil, e Mister Fitness Brasil. O atleta profissional possui um canal no YouTube com mais de 1 milhão de inscritos. Seu Instagram com 3 milhões de seguidores é @fefrancooficial.

No Instagram do Felipe Franco pode-se verificar que é sócio embaixador do Brasil Trading Fitness Fair, e que trabalha com marcas como Madrugão Suplementos e Oficial Farma.

loading...

Dieta do Felipe Franco

Felipe Franco é atleta disciplinado, e a dieta dele não inclui frituras, doces, alimentos processados e gordurosos, fator que faz Felipe procurar algumas opções saudáveis ao suprimento destas necessidades calóricas.

De acordo com Felipe, o cardápio dele não se mostra comum, e quando fala de legumes, diz que come bem menos que as porções geralmente indicadas.

O plano alimentar é rico em batata doce, frango, peixe, em especial salmão, e clara de ovo.

Com atenção para os efeitos do sódio, há eliminação na dieta do Felipe Franco da utilização dos temperos que podem favorecer reter líquidos, que diminui evidência muscular, e desfavorece nas competições do atleta, pois a hipertrofia não fica tão em evidência.

Felipe indica que sejam evitados alimentos apresentando índice alto do sódio, e consumir mais água, ao mínimo 3 litros diariamente, a retardar retenção dos líquidos, favorecendo ainda eliminar regularmente toxinas prejudiciais para o organismo.

Felipe Franco Altura
Shape do Atleta Felipe Franco

Felipe diz que a totalidade dos resultados dele são conseqüências do maior volume nos treinos e dedicação para dieta, sendo os treinos mais intensos comparando com treinos de anos anteriores.

Ele começou em categoria Garoto Fitness, e somente na seqüência competia no Men’s Physique, o que demandou Felipe mudar a metodologia a construir músculos com qualidade, e particulares características da definição do corpo.

Plano Alimentar do Felipe Franco

Felipe Franco confessa que permite alguns escapes da dieta, porém em fases estratégicas do ano, assim não gera prejuízo para preparar-se às competições.

Em festas no final do ano, sai um pouco da dieta, no entanto, logo pelo começo de janeiro adapta novamente seu plano alimentar, pois existem competições em fevereiro.

Ele fala que ao começar a fase da preparação, não tem corpo mole, mantendo foco em dieta e não reclama, sempre busca resultados melhores para si.

Já foi apontado que o peso na balança não deve ser considerado de informação única à preocupação com peso, assim, este atleta confessa ser difícil diminuir peso, e mantendo os músculos de qualidade mesmo assim.

De modo a controlar a composição corporal dele, Felipe procura diminuir ingestão dos carboidratos, intensificando prática das atividades cardiorrespiratórias no jejum.

E quando é fora da temporada, segue aos 97 quilos, no entanto, na pré-competição reduz para 87.

Felipe falou que nas suas últimas competições foi capaz de subir mais seco no palco.

Ele alerta que é essencial seguir com rigor a dieta e treino quando o foco é mudanças físicas no curto prazo. Na fase da preparação, Felipe Franco leva dieta com 8 refeições, sendo a ingestão do carboidrato moderada.

As refeições de forma geral têm preparação equilibrando 150 gramas da fonte de proteínas, com preferência ao peixe ou frango, mais 150 gramas do carboidrato complexo, escolhendo por batata doce, arroz integral, panqueca de proteínas, e mesmo omelete com claras do ovo.

Felipe diz que a alimentação saudável se caracteriza fator indispensável a construir abdômen definido.

Treinos do Felipe Franco

 

Felipe Franco segue se destacando no universo do fisiculturismo, com infinidade de seguidores e shape seco.

Ele é representante do Brasil quando se trata de eventos internacionais, e já garantiu admiradores e títulos importantes.

As metodologias diferentes e particulares conhecimentos dos profissionais renomados e qualificados com Felipe Franco despertam curiosidade dos que querem usufruir dos bons resultados de musculação.

De forma diferente das fichas tradicionais em academia, Felipe Franco não tem treino pré-determinado. As repetições e séries podem mudar, e cargas podem ou não ser diminuídas.

Este profissional aponta que o foco é trabalho de músculos e fibras de modo dinâmico, deste modo, o corpo nunca vai se adaptar a certo treino, pois esse será inovado sempre.

O conselho do Felipe é que não existe nada melhor que a própria pessoa faça reconhecimento dos seus limites e características.

Aponta freqüência que indivíduos erram nos dias de séries e nas séries.

O atleta reconhecendo seus limites, diz que cada pessoa deve buscar a forma ideal do seu treino, é preciso identificação de como é a resposta do corpo para estímulos, pois as séries não devem ser vistas como uma receita pronta, assim o que é interessante a um amigo de treino, pode não ser perfeito treino a si.

É destacado por Felipe também que a carga não vai garantir eficácia para treinos, já que métodos usados é que fazem interferência positiva na fibra muscular.

Treinamento Super Slow

Nota-se em alguns vídeos compartilhados do treino do Felipe Franco com determinados exercícios do atleta, a fazer então movimentos de modo muito lento.

Trata-se da metodologia popular de Super Slow, em que deve ser realizada a repetição com fases de tempo maior, com possibilidade de mudar de 5 a 20 segundos, dando ênfase em fase excêntrica.

Assim, é possível melhora da composição do músculo, e também aumento da força física e resistência.

Felipe Franco aponta que não sejam usadas cargas pesadas ou leves demais, já que iria aumentar a chance de ocorrer prejuízos e lesões para o corpo podendo ser evitados.

E somente os praticantes avançados devem optar pela tentativa de fazer séries no super slow. Na seqüência são apresentados 4 treinos do Felipe Franco para inspiração.

Treino 1

Aqui o foco é no peito, ombro frontal, e tríceps, e a freqüência é de 3×1/2×1.

  1. Conjugado com supino inclinado/dumbell, sendo 4 séries de 15, 12, 12, 10; e crucifixo, com 4 séries de 15 repetições apresentando isometria.
  2. Conjugado com o supino de barra reta, sendo 4 séries de 15, 12, 12 e 10; e crossover de cotovelos flexionados levemente, sendo 4 séries de 15, 12, 12, e 10.
  3. Mais um conjugado, com fly 35 graus, sendo 3 séries de 8 a 10 repetições, a carga é média e foco em alongar; e pullover, de 3 séries com 15 repetições.
  4. Elevação lateral, com halteres, sentado, correspondente a 4 séries com 10 a 12 repetições.
  5. Mais um conjugado, sendo o tríceps de barra W, testa, correspondente a 4 séries com 8 a 12 repetições.
    Mais tríceps em Pulley, de barra reta, sendo 4 séries de 12 a 15 repetições.
  6. Tríceps francês, unilateral, com dumbell, correspondente a 3 séries com 12 a 15 repetições.
  7. Conjugado com abdominais; e crush em pulley, com o dumbell, sendo 3 séries com 12 a 15 repetições.
  8. Pêndulo, a usar caneleira e barra, são 5 séries com 12 a 15 repetições.
  9. Atividades cardiorrespiratórias, durando meia hora, com preferência para esteira.

Treino 2

O treino 2 é para costas, bíceps, e posterior dos ombros.

  1. Inicia com barra fixa, correspondente a 4 séries com 12 a 15 repetições.
  2. Conjugado de pulley que é frontal, e a remada com barra curvada. O pulley é de 4 séries com 12 a 15 repetições, e a remada é de 4 séries com 12 a 15 repetições.
  3. Para este conjugado, o pulley para costas é de 4 séries com 12 a 15 repetições.
    E a remada aberta executada na máquina corresponde a 4 séries com 12 a 15 repetições.
  4. Este conjugado considera 3 itens, a remada baixa, crucifixo inverso e crucifixo inverso na máquina. A remada baixa é com triângulo drop, sendo 3 séries de 6, 8 e 10. O crucifixo inverso usando halteres corresponde a 4 séries de 12 repetições. E o crucifixo inverso feito na máquina, com 3 séries com 8 a 12 repetições.
  5. Crucifixo inverso feito em máquina, são 3 séries com 8 a 12 repetições.
  6. Conjugado com rosca direta e rosca simultânea. Para rosca direta, são 4 séries de 8 a 12 repetições, e para rosca simultânea usando halteres são 4 séries com 8 a 12 repetições.
  7. Mais um conjugado com rosca Scott em máquina unilateral, mais martelo (rosca) usando halteres.
    Para rosca Scott são 4 séries de 12 a 15 repetições. E para martelo, são 4 séries com 12 a 15 repetições.
  8. Este conjugado é com abdominais laterais e abdominais com hipertensão da lombar, e lateral. Para abdominais laterais, usar cross baixo, sendo 4 séries com 20 repetições. E para abdominais com hipertensão da lombar, lateral, são 4 séries com 20 repetições.
  9. Atividades cardiorrespiratórias correspondendo a 30 minutos, com preferência para esteira.

Treino 3

Este treino é para as pernas.

  1. Conjugado com agachamento livre, usando barra, sendo 5 séries com 8 a 12 repetições, a aumentar carga. Mais o leg press 45 graus, correspondente a 5 séries com 8 a 12 repetições, a aumentar carga.
  2. Um conjugado com passada, sendo 4 séries de 20 passos. Mais a cadeira extensora, sendo 4 séries de 12 a 15 repetições.
  3. Conjugado com stiff e mesa flexora deitada. Stiff é feito com 4 séries de 8 a 12 repetições. E para mesa flexora, deitada, são 4 séries com 8 a 12 repetições.
  4. Panturrilha em pé e no cavalinho correspondendo a 4 séries com 20 repetições.

Treino 4

Este é o treino de dia off. Composto por atividades cardiorrespiratórias, sendo 30 minutos, com preferência para esteira.

Fontes:
https://www.instagram.com/fefrancooficial/
https://www.youtube.com/user/fefrancopro/featured

Loja Felipe Franco

https://www.fefrancopro.com/

Recomendados Para Você:

Sobre Rodrigo

Você também pode gostar:

Gracyanne Barbosa Ig

Gracyanne Barbosa instagram, quem é, treinos, dietas, suplementos que usa, peso, idade, antes e depois, biografia completa

Saiba tudo sobre a Musa Fitness Gracyanne Barbosa! Veja Treinos, Dieta, Suplementos, Antes e Depois da Fama, Gracyanne Barbosa Ig e muito mais...

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *